Destaque

Nutella ou PRO Gamers: Teclado Ducky One 2 Horizon

Feito para gamers, mas adotado pelo publico geral por seu design.

Certamente não é o mais chique, cheio de recursos ou até mesmo o mais iluminado do mundo, existem apenas quatro LEDs na coisa toda, mas no geral é lindo só de olhar.

Algo que chama muita atenção é a estética do preto e do azul, a fabricante Ducky que sempre prezou por qualidade se destacou ao longo dos anos pelos designs diferenciados, não necessariamente em layout, no geral é um teclado de altíssima qualidade e com design de primeira. Apesar disso, ele não deve ser o mais interessante para muitos gamers, já que ele se mostra muito mais adequado para usuários que se importam com design, a falta de opções de configurações de macros (e não estou falando de teclas dedicadas), sistema de retroiluminação que muitas vezes é só estética, e até de teclas multimídia, deixam ele atrás de alguns concorrentes.

Fonte: Tecmundo

Especificações

Modelo: DKON1887
Tipo: Mechânico
Switch: Cherry MX Silver
Interface: USB 2.0
Teclas simultâneas: USB N-Key Rollover (NKRO)
Material das teclas: PBT
Impressão de caracteres: Double-Shot
Dimensões: 36,5 x 13,5 x 4,0 cm
Peso: 0,95 kg

 

A Ducky faz um trabalho impecável no design dele, tanto nas curvas e bordas retas do produto, os espaços são muito bem planejados entre as teclas, dando sensação de segurança e conforto ao pressionar suas teclas.

Sobre qualidade propriamente dita, as teclas, que parecem mais duras não devem sofrer com os efeitos do uso prologado. As keycaps são mais grossas, então mesmo para quem joga com mais afinco, este teclado da Ducky deve aguentar o tranco.

Fonte: Tecmundo

Outro ponto interessante que destaca a qualidade deste Ducky é a presença dos switches Cherry MX. Os modelos instalados nesta versão especificamente são do tipo Silver, que apresentam similaridades com o Red, mas se mostram ainda mais silenciosos e apropriados para digitação.

Fonte: Tecmundo

Contudo, que a empresa não concorre diretamente com teclados comuns, já que a marca pretende “correr por fora” ao trabalhar com produtos mais exclusivos e diferenciados.

 

Fundador e CEO do Geek of Nerd, sujeito cibernético, sistemático e perfeccionista. Gosto de quadrinhos, alterar códigos, sim o cara do T.I.